Politica

Governo reitera que militares portugueses em Cabul "estão bem" e regressam "dentro de algumas horas"

Missão está "praticamente concluída". 


O ministro da Defesa, João Gomes Cravinho, reiterou, esta quinta-feira, que os quatro militares portugueses que se encontram em Cabul “estão todos bem” e adiantou que estes deverão regressar a Portugal “dentro de algumas horas”.

Em entrevista à SIC, o governante explicou que a missão destes militares está “praticamente concluída” e, por isso, deixarão o território afegão em breve.

“Eles sairão em breve de Cabul. Dentro de algumas horas. Por razões operacionais, prefiro não aprofundar”, indicou.

“Eles estão atualmente empenhados em colocar nos aviões os 38 afegãos que estão identificados e validados por nós e que virão para Portugal”, disse, acrescentando que estes 38 afegãos “deverão estar a embarcar neste momento” e deverão chegar esta sexta-feira, embora haja uma grande “incerteza” com os percursos. Este primeiro grupo será acolhido em Lisboa e está já “tudo preparado”.

Recorde-se que dois ataques bombistas, junto ao aeroporto de Cabul, provocaram, esta quinta-feira, dezenas de mortos e feridos. O autoproclamado Estado Islâmico já reivindicou os ataques.