Desporto

UEFA volta a permitir presença de adeptos de clubes visitantes

Esta alteração mantém a obrigatoriedade dos clubes, seleções e demais comitivas monitorizar os requisitos de entrada em cada país, frisa o organismo.


Os adeptos já vão poder assistir aos jogos nos campos dos adversários, confirma, esta segunda-feira, o Comité Executivo da UEFA. Assim, o acesso às partidas ficará dependente apenas das regras sanitárias dos países. 

"A proibição de que os adeptos visitantes assistam a jogos UEFA não é prolongada", anuncia o órgão máximo que regula o futebol mundial, ao reforçar que a decisão continua “sujeita a quaisquer requisitos impostos pelas autoridades nacionais pertinentes".

As alterações devem-se às "campanhas de vacinação levadas a cabo por toda a Europa" e também à decisão de diversos países europeus de permitir que pessoas vacinadas ou recuperadas da covid-19 possam viajar livremente entre nações e assistir a eventos sem apresentação de teste, ou que recorram ao certificado digital covid-19.

Até agora, mais de dois mil jogos de competições da UEFA foram "disputados com êxito" e serviram como exemplo para a decisão tomada pelo organismo.

Porém, esta alteração, frisa o organismo, mantém a obrigatoriedade dos clubes, seleções e demais comitivas monitorizar os requisitos de entrada em cada país e outras questões relevantes, uma vez que o regulamento da UEFA não se sobrepõe a medidas nacionais gerais.