Sociedade

Homem de 47 anos morre após acidente na praia de Quiaios em Figueira da Foz

As circunstâncias da morte ainda estão por apurar.


Um homem de 47 anos morreu, esta quinta-feira, devido a um acidente que terá acontecido na praia de Quiaios, na Figueira da Foz. Porém, as circunstâncias da morte ainda estão por apurar.

A vítima “chegou ao hospital já cadáver”, disse uma fonte oficial do Hospital Distrital da Figueira da Foz (HDFF) à agência Lusa, depois de ter sido assistida na praia e encaminhada para a unidade hospital numa ambulância de Suporte Imediato de Vida (SIV).

Mas, segundo o comandante do Porto da Figueira da Foz, João Lourenço, o homem, que estaria de férias na praia de Quiaios com a família, "foi detetado dentro de água, retirado, assistido e transportado ao hospital".

"Para ir para o hospital é porque estava vivo. Senão, ficava ali e depois o óbito era declarado na praia, através do delegado de saúde. Mas podia ter sinais de vida fortes ou fracos, tecnicamente não tenho conhecimentos para responder", explicou o comandante do Porto.

A praia de Quiaios, atualmente, “encontra-se sem nadadores-salvadores”, indicou ainda João Lourenço, porém existem avisos à entrada de praia não vigiada.

De acordo com o comandante do Porto, o mar "não estava muito mau" no momento em que ocorreu o acidente. "Mas pode haver alguma onda ou algum fundão, mas não tenho informação que possa explicar o que se passou", frisou João Lourenço.

O alerta foi dado às 11h46 e no local estiveram, para além da ambulância SIV, meios dos bombeiros voluntários da Figueira da Foz, uma viatura e uma embarcação ligadas ao Instituto de Socorros a Náufragos e a Polícia Marítima.