Sociedade

Internamentos por covid-19 voltam a descer depois de dois dias a subir

Número de recuperados voltou a superar o número de novos casos nas últimas 24 horas. Morreram mais pessoas devido à covid-19 em Lisboa e Vale do Tejo, mas foram detetadas mais infeções no Norte. 


Portugal registou, nas últimas 24 horas, 1.058 novos casos de covid-19 e seis mortes associadas à doença. De acordo com o mais recente boletim epidemiológico, divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS) esta terça-feira, o país soma agora um total acumulado de 1.057.100 casos de infeção desde o início da pandemia e 17.872 vítimas mortais.

A maior parte dos novos casos foram diagnosticados no Norte, que reportou 406 casos de infeção. Segue-se Lisboa e Vale do Tejo, com 312 novos casos, o Centro, com 183, o Algarve, com 67, e o Alentejo, com 51. No arquipélago da Madeira foram registados 33 novos casos e nos Açores seis.

Dos seis óbitos, quatro ocorreram em Lisboa e Vale do Tejo, um no Norte e um no Centro.

O número de internados desceu depois de ter registado um ligeiro aumento nos últimos dois dias e há agora 551 doentes com covid-19 nos hospitais portugueses, menos 35 do que ontem. Destes, 116, menos três do que no último balanço, encontram-se a receber tratamento em Unidades de Cuidados Intensivos.

Por outro lado, mais 2.428 pessoas recuperaram da doença nas últimas 24 horas, elevando para 1.003.239 o total de infetados que conseguiram vencer a doença.

Há agora 35.989 casos ativos no país, menos 1.376 do que ontem, e as autoridades de saúde têm 35.303 contactos sob vigilância.

Ontem foi feita uma atualização da incidência e do índice de transmissibilidade (Rt) no país e, por isso, esta terça-feira os dados mantêm-se inalterados. Sublinhe-se que ambos os indicadores continuam em queda.

Neste momento, a incidência, a nível nacional é de 208,3 casos de infeção por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias e, quando considerado apenas o território continental, a incidência é de 214,0.

Por sua vez, o Rt nacional é de 0,85 e no continente o Rt é de 0,84.

Consulte aqui o boletim na íntegra.