Sociedade

Homens vingam-se com tiro na virilha após discussão num restaurante em Queluz

Os crimes ocorreram a 4 de agosto de 2020, na zona da Amadora, após os dois suspeitos e a vítima se terem envolvido numa discussão dentro de um restaurante, em Queluz.


Dois homens, de 30 e 37 anos, foram, na terça-feira, detidos “por existirem fortes indícios da prática de um crime de homicídio, na forma tentada, tráfico de estupefacientes e detenção de arma proibida”.

Em comunicado, esta quarta-feira divulgado, a Polícia Judiciária (PJ) revela que os crimes ocorreram a 4 de agosto de 2020, na zona da Amadora, após os dois suspeitos e a vítima se terem envolvido numa discussão dentro de um restaurante, em Queluz.

Após a discussão, já na Amadora, a vítima foi surpreendida pelos dois suspeitos, que procuraram vingar-se, tendo sido atingida por um tiro de uma espingarda caçadeira na zona da virilha.

“Após a prática dos factos, os dois suspeitos puseram-se em fuga para parte incerta. Na sequência das diligências de investigação encetadas, logrou-se a cabal identificação dos dois autores”, acrescenta a nota da PJ.

As detenções ocorreram “na sequência do cumprimento de dois mandados emitidos pela Autoridade Judiciária, no DIAP da Amadora, e da realização de buscas domiciliárias, na zona de Queluz”. Foi ainda apreendido “produto estupefaciente – v.g., haxixe – suficiente para a produção e introdução no mercado ilícito de mais de 1650 doses”.

Os dois detidos foram presentes a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal de Instrução Criminal de Sintra, tendo-lhes sido aplicada a medida de coação de apresentações diárias ao OPC da área de residência