Sociedade

Barco da Transtejo resgata três homens que naufragaram no rio Tejo

O incidente ocorreu esta manhã “depois da embarcação de recreio onde seguiam se ter virado, alegadamente devido a um golpe de mar”, tendo acabado por afundar.


Uma embarcação de transporte de passageiros da Transtejo resgatou, este sábado, três homens com idades entre os 23 e os 44 anos, que naufragaram quando navegavam no canal do Barreiro, no rio Tejo.

Em comunicado, a Autoridade Marítima Nacional (AMN) revela que o incidente ocorreu esta manhã “depois da embarcação de recreio onde seguiam se ter virado, alegadamente devido a um golpe de mar”, tendo acabado por afundar.

O alerta foi dado pelas 11h50, “através de uma embarcação de transporte de passageiros da Transtejo que se encontrava nas proximidades, a informar que se encontravam três náufragos no rio Tejo”. Foi de imediato ativada para o local uma embarcação da Estação Salva-vidas de Lisboa.

“Os náufragos foram de imediato resgatados pela embarcação de transporte de passageiros, que os transportou até ao terminal fluvial do Terreiro do Paço, em Lisboa. Os elementos da Estação Salva-vidas permaneceram no local do acidente por forma a garantir a segurança da navegação”, acrescenta a AMN.

Os três homens encontravam-se “bem fisicamente” e não houve “necessidade de assistência médica”.