Economia

AG da Associação Mutualista Montepio Geral aprova contas de 2020

"Ninguém tem orgulho de resultados negativos, mas enche-nos de orgulho o caminho de recuperação que o grupo Montepio regista já nesta data e o desempenho de todos os nossos colaboradores nos anos de 2020 e 2021", disse Virgílio Lima.


Os resultados financeiros consolidados do grupo Montepio Geral, no ano de 2020, foram aprovados com 97,28% de votos a favor, durante a assembleia geral ordinária que se realizou, esta quinta-feira, no auditório da Faculdade de Medicina Dentária da Universidade de Lisboa.

"Num ano marcado pelo forte impacto negativo que a pandemia provocou em todo o sector financeiro nacional, europeu e mundial, a área financeira do grupo Montepio não foi exceção, tendo registado um conjunto de eventos extraordinários que penalizaram os resultados operacionais do Banco Montepio Geral (-86 milhões). Sem esta realidade absolutamente excecional, as contas consolidadas seriam de 65 milhões positivos", revelou, em comunicado.

Ainda assim, e tal como foi anunciado aos associados presentes na Assembleia Geral, ao longo do ano de 2021 a Associação Mutualista Montepio Geral inverteu esta tendência negativa, registando, entre janeiro e agosto de 2021, um resultado líquido positivo de 16 milhões de euros, além de um crescimento da margem associativa para 89 milhões de euros (até setembro), depois da reposição de 147 milhões de vencimentos até 30 de setembro, e um aumento do número de associados para 602.822.

“A assembleia de associados aprovou as contas por maioria inequívoca, depois de os associados terem sido amplamente informados sobre o desempenho muito positivo registado já em 2021, com crescimento do número de associados, da margem financeira, dos resultados e dos indicadores de eficiência. A área não financeira do  grupo vive um ciclo positivo e ascendente e a área financeira assegura desempenhos que confirmam uma franca recuperação. Ninguém tem orgulho de resultados negativos, mas enche-nos de orgulho o caminho de recuperação que o grupo Montepio regista já nesta data e o desempenho de todos os nossos colaboradores nos anos de 2020 e 2021, num quadro de restruturação ao nível do grupo, em termos de simplificação no número de entidades instrumentais, de ajustamento do número de balcões e das equipas de trabalho, numa base sempre voluntária. Por tudo isto, encaramos o presente e o futuro com determinação, serenidade e confiança”, disse Virgílio Lima, presidente da Mutualista