Internacional

Duas pessoas detidas por tentarem viajar para Portugal com cocaína

É a segunda vez esta semana que um passageiro é detido no Brasil por tentar trazer cocaína para Portugal.


Foi detida no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, no Brasil, uma mulher que tentava embarcar para Portugal com mais de sete quilos de cocaína na sua bagagem, anunciou esta quinta-feira a Polícia Federal (PF) brasileira.

Segundo a autoridade, a detenção ocorreu no passado fim-de-semana, tendo a autoridade optado por não revelar a nacionalidade da passageira, apenas que tinha 31 anos.

"Foi selecionada uma bagagem do voo com destino a Lisboa, que foi aberta na presença da passageira que a despachou. Dentro da mala foram encontrados mais de sete kg de cocaína em diversas tabletes", referiu a PF em comunicado.

Já na segunda-feira mas desta vez no Aeroporto de Fortaleza, a PF apreendeu mais quatro quilos de cocaína na bagagem de outro passageiro, de nacionalidade colombiana, que pretendia também viajar para a capital portuguesa.

"A ação aconteceu quando o suspeito foi fiscalizado pela PF. A droga estava escondida na estrutura da mala e calçados do preso", esclareceu a autoridade. O homem foi indiciado por tráfico internacional de droga, crime que prevê uma pena de prisão de até 15 anos.

Apesar de não ter produção própria de cocaína, o Brasil é um dos principais pontos de passagem de droga proveniente de outros países da América Latina, com destino à Europa, sendo que Portugal se tem tornado numa porta de passagem de estupefacientes para o continente europeu.