Desporto

Cristiano Ronaldo, Bruno Fernandes e Rúben Dias nomeados para Bola de Ouro. Nuno Mendes escolhido para Prémio Kopa

A revista francesa volta a entregar os prémios ao melhor jogador e jogadora, ao melhor jovem e também ao melhor guarda-redes referente à época 2019/2020, já que no ano passado decidiu cancelar a premiação devido à pandemia.


Cristiano Ronaldo, Bruno Fernandes e Rúben Dias fazem parte da lista dos 30 nomeados para a Bola de Ouro, que foi revelada esta tarde de sexta-feira, pela France Football. Nuno Mendes é uma das surpresas para o Prémio Kopa, que se destina a jogadores com menos de 21 anos (à data de 31 de dezembro de 2020). A cerimónia realizar-se-á a 29 de novembro, em Paris. 

A revista francesa volta a entregar os prémios ao melhor jogador e jogadora, ao melhor jovem e também ao melhor guarda-redes referente à época 2019/2020, já que no ano passado decidiu cancelar a premiação devido à pandemia.

Além dos portugueses, foram escolhidos: Messi, Pedri, Modric, Chiellini, Mahrez, Kanté, Haaland, Bonucci, Mount, Kane, Benzema, Donnarumma, Sterling e Barella, De Bruyne, Neymar, Simon Kjaer, Lewandowski, Jorginho, Salah, Lukaku, Azpilicueta, Lautaro Martínez, Gerard Moren, Phil Foden, Mbappé e Suárez.

A grande revelação é o jovem português Nuno Mendes, que trocou esta época o Sporting pelo Paris Saint-Germain, que está nos dez nomeados para Prémio Kopa.

Entre os escolhidos estão: Jude Bellingham (Borussia Dortmund), Bukayo Saka (Arsenal), Mason Greenwood (Manchester United), Jamal Musiala (Bayern Munique), Florian Wirtz (Bayer Leverkusen), Pedri (Barcelona), Jérémy Doku (Rennes), Ryan Gravenberch (Ajax) e Giovanni Reyna (Borussia Dortmund).

Na última edição deste prémio, em 2019, João Félix ficou em terceiro lugar, atrás do inglês Jadon Sancho e do vencedor Matthijs de Ligt, dos Países Baixos.

Já para o Prémio Yashin para melhor guarda-redes, entre os nomeados estão nomes que defenderam a baliza do Benfica, como Ederson e Oblak.

O italiano Donnarumma, do PSG, com 22 anos, é o mais jovem nomeado, numa lista dominada por jogadores com anos de experiência. Os restantes nomeados são Thibaut Courtois (Real Madrid), Samir Handanovic (Inter), Emiliano Martinez (Aston Villa), Edouard Mendy (Chelsea), Keylor Navas (PSG) – o clube francês tem os seus dois guarda-redes nomeados - Manuel Neuer (Bayern Munique) e Kasper Schmeichel (Leicester).

Este prémio foi atribuído pela primeira vez em 2019 e o vencedor foi Alisson, do Liverpool, enquanto Marc-André ter Stegen, do Barcelona, ficou com o segundo lugar. Nenhum dos dois foi selecionado este ano, ao contrário de Ederson, que repete a nomeação, tendo ficado em terceiro lugar na primeira edição.