Sociedade

Mau tempo provoca inundações nos Açores

Chuva causou durante a manhã uma derrocada em São Miguel.


Segundo o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores, até às 16h30 (17h30 em Lisboa) desta segunda-feira, registaram-se na cidade de Angra do Heroísmo, na ilha Terceira, duas inundações em habitações, sendo que uma rua ficou obstruída no concelho da Praia da Vitória, a outra cidade da ilha.

Já no que toca a São Miguel, o responsável municipal de Ponta Delgada pela Proteção Civil Pedro Azevedo, adiantou à agência Lusa que teve Lugar uma obstrução da via pública, provada pela intensidade da chuva, na freguesia dos Ginetes, sendo que, em São Vicente, o pavilhão multiusos voltou a ficar inundado.

Na freguesia de Arrifes, as Arribanas estão fechadas ao trânsito e na Piedade registaram-se inundações em habitações.

Pedro Azevedo referiu ainda que na lagoa das Sete Cidades, o nível da água "subiu consideravelmente", sendo provável que isso conduza à necessidade de proceder a uma descarga, havendo por todo o concelho pastagens "muito encharcadas".

É ainda de realçar que ao início da manhã o mau tempo na ilha de São Miguel provocou uma derrocada na estrada regional das Pedras do Galego, na freguesia das Furnas, concelho de Povoação, tendo sido necessário proceder à interrupção temporária da circulação.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou sob aviso amarelo, até às 18:00 de terça-feira, as ilhas do grupo oriental (São Miguel e Santa Maria) por causa das previsões de precipitação por vezes forte, podendo ser acompanhada de trovoada.

No caso das ilhas do grupo central (Terceira, São Jorge, Pico, Graciosa e Faial) o aviso amarelo, devido à chuva, por vezes forte, e trovoada, vai vigorar até às 21:00 de hoje.