Economia

Leão garante que não está prevista nova transferência para Novo Banco

Plano de reestruturação da TAP pode ser aprovado até ao final do ano, acredita ministro.

 


João Leão garante que não está prevista qualquer transferência para o Novo Banco, como empréstimo. O ministro das Finanças lembra que, no passado, só o orçamento suplementar comportou um empréstimo para o banco, referiu durante a apresentação do Orçamento do Estado para o próximo ano.

Já em relação à TAP, o governante explica que o plano de reestruturação da companhia aérea está nas mãos do ministério das Infraestruturas e a ser discutido com a Comissão Europeia, mas há "perceção de que não há nenhuma razão para que não possa ser aprovado até ao final do ano".

Para a CP, o ministro explica que está prevista a aquisição de automotores, num investimento “muito importante e o maior das últimas décadas”. No entanto, que caberá a Pedro Nuno Santos a “oportunidade de explicar melhor o que está previsto para a CP”, recordando que a dotação de mais de 1,8 mil milhões de euros tem uma dimensão importante que procura reduzir o endividamento da empresa e dar margem para concretizar as grandes opções de investimento da CP que deve avançar com a maior renovação da frota.