Sociedade

Homem dispara contra caravana onde seguia um casal sueco com os sete filhos menores em Moura

Crime ocorreu após uma discussão motivada por ódio racial. Crianças na caravana têm entre os 11 anos e os três meses.

 


Um homem de 53 anos foi detido por “fortes indícios da prática do crime de homicídio qualificado na forma tentada”, no concelho de Moura. Segundo revela, este sábado, a Polícia Judiciária (PJ), as vítimas são um casal de cidadãos suecos e os sete filhos menores, com idades entre os onze anos e os três meses.

O crime ocorreu na tarde de 8 de outubro, quando as vítimas “viram o veículo de passageiros onde seguiam, adaptado a caravana, ser atingido com disparos de arma de fogo, agressão perpetrada na sequência de contenda ocorrida momentos antes, aparentemente determinada por ódio racial”.

Em comunicado, a PJ refere que o agressor se envolveu numa discussão com o elemento do género masculino do casal, tendo depois perseguido a viatura onde seguiam as vítimas e executado o crime “assim que se mostrou oportunidade”.

“Consumada a agressão abandonou o local logo após a sua prática, esforçando-se por ocultar das autoridades objetos e veículos utilizados na execução do ilícito”, acrescenta.

O detido foi presente a interrogatório Judicial, tendo-lhe sido aplicadas medidas de coação não detentivas.