Sociedade

Escola reporta agressão de padrasto a adolescente de 13 anos às autoridades em Viana do Castelo

Professores aperceberam-se de marcas na cara do menor.


A direção de uma escola em Vila Nova de Anha, Viana do Castelo, reportou às autoridades, esta quinta-feira, a agressão de um adolescente de 13 anos pelo padrasto.

Segundo a agência Lusa, que cita fonte da GNR, em causa está a direção da Escola EB 2,3 Monte da Ola. A mesma fonte indicou que a agressão ocorreu na quarta-feira, em casa do rapaz, tendo o menor sido confrontado pelos professores, que se aperceberam das marcas que apresentava no rosto, esta quinta-feira.

O menor identificou o padrasto como o autor das agressões, o que acabou por levar a direção da escola a acionar a GNR e a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Viana do Castelo.

De acordo com a agência noticiosa, a força de segurança registou a ocorrência como violência doméstica e o adolescente foi levado para ao hospital de Santa Luzia para que a situação fosse registada. Depois, a GNR deslocou-se à casa onde o menor vive para ouvir a família.