Internacional

OMS autoriza uso da vacina indiana contra a covid-19 em casos urgentes

A Covaxin, fabricada pela Bharat Biotech, na Índia, torna-se a oitava vacina a receber luz verde da agência das Nações Unidas.

OMS autoriza uso da vacina indiana contra a covid-19 em casos urgentes

A Organização Mundial da Saúde (OMS) autorizou, esta quarta-feira, o uso de emergência da vacina indiana Covaxin contra a covid-19. Esta vacina, fabricada pela Bharat Biotech, na Índia, torna-se a oitava a receber luz verde da agência das Nações Unidas.

"Esta lista de uso de emergência alarga a disponibilidade de vacinas, a ferramenta mais eficaz de que dispomos para acabar com a pandemia", disse Mariângela Simão, diretora-geral assistente para o acesso a medicamentos e produtos de saúde.

A vacina, desenvolvida em parceria com o Conselho Indiano para Investigação Médica, é feita com recurso a coronavírus desativado e é administrada em duas doses.

Segundo a OMS, a Covaxin é 78% eficaz na prevenção de casos graves de covid-19 e "extremamente adequada" para países pobres, uma vez que tem procedimentos de armazenamento mais fáceis. Em relação ao uso em mulheres grávidas, são ainda necessários mais estudos.

Em julho, a Bharat Biotech revelou que a vacina tinha uma eficácia de 93% na prevenção da covid-19 grave e de cerca de 65% contra infeções com a variante Delta.

Os comentários estão desactivados.