Internacional

Polícia checa confirma que jovem encontrado morto é Tomás Alcaravela

A notícia foi confirmada por fonte policial ao jornal local Krimi-Plzen. 


A polícia checa confirmou, esta terça-feira, que o corpo encontrado na noite de segunda-feira na claraboia de um prédio, em Plzen, é o de Tomás Alcaravela, o jovem português de 19 anos desaparecido desde a madrugada de sábado.

A notícia foi confirmada por fonte policial ao jornal local Krimi-Plzen. De realçar que a publicação avançara, na noite de ontem, que o corpo encontrado era o do jovem, citando testemunhas no local.

“A polícia confirmou esta manhã que o jovem morto encontrado ontem à noite é de facto um estudante procurado de Portugal”, afirma o jornal, acrescentando que “cientistas forenses estão a investigar as causas e circunstâncias da sua morte”.

Tomás Alcaravela estudava Medicina na República Checa, ao abrigo do programa Erasmus. Fora visto pela última vez pelas 5h de sábado a sair de uma discoteca em direção a um apartamento localizado na mesma rua.