Economia

Criadas 2131 novas empresas na área das TIC até final de outubro

No total e em todos os setores, nos primeiros 10 meses do ano, nasceram em Portugal 34466 novas empresas, revela a D&B.


O setor das Tecnologias de informação e comunicação (TIC) está a mostrar capacidade e a recuperar o crescimento na criação de novas empresas que tinha antes da pandemia. Esta é uma das principais conclusões do Barómetro da Informa D&B, que revela que até 31 de outubro nasceram neste setor 2131 novas empresas, o que representa um crescimento de 1,1% face a 2019 e de 22% quando comparado com 2020.

Segundo os dados, até final de outubro, destacam-se as empresas criadas no subsetor ‘Informática’, com 1 642 novas empresas. Em termos geográficos, os maiores crescimentos em número absoluto de constituições das TIC ocorrem nos distritos do Porto, Setúbal, Funchal e Coimbra.

No total, deste o início do ano e até 31 de outubro, nasceram em Portugal 34 466 novas empresas, “valores que revelam ainda alguma fragilidade no empreendedorismo em 2021”. Já a constituição de novas empresas representa um crescimento de 8,2% face ao mesmo período do ano passado, mas está ainda 18,4% abaixo de 2019. Os setores que mostram ainda uma maior distância face aos valores de 2019, são os transportes (-58%), alojamento e restauração (-29%) e serviços gerais (-29%).

A D&B diz ainda que encerraram este ano 9859 empresas, menos 6,4% que no período homólogo e menos 22,3% do que em 2019.