Politica

CDS. 'Chicão' diz não ter 'medo' de Nuno Melo

"Com 31 anos propus-me a liderar o CDS e estou a dar a cara com todos eles nas televisões todos os dias a dizer cobras e lagartos de mim", disse Francisco Rodrigues dos Santos.


Em entrevista ao Observador, Francisco Rodrigues dos Santos, líder do CDS-PP, pôs os pontos nos ‘is’ do seu debate interno com o eurodeputado Nuno Melo, de quem disse ‘não ter medo’. Quando questionado sobre se teria receio de umas eleições internas no partido, prévias às eleições legislativas, ‘Chicão’ não hesitou: “Ter medo de quem? Do Nuno Melo? Por amor de Deus.”

O líder centrista continuou ainda: “Mas que medo é que tenho? Tive formação militar. Entrei no Colégio Militar aos dez anos. Desde pequenino que aprendi a lidar com exigência e responsabilidade. Mas tenho medo de alguma coisa? Com 31 anos propus-me a liderar o CDS e estou a dar a cara com todos eles nas televisões todos os dias a dizer cobras e lagartos de mim”.

Declarações não ‘próprias’
Na mesma entrevista, Francisco Rodrigues dos Santos criticou Telmo Correia, líder parlamentar do CDS-PP, que acusou de ter “feito algumas declarações públicas que não são próprias de um líder parlamentar”. “A procura incessante de estrinchar a sua bancada como uma plataforma de oposição à direção do partido, publicamente, creio que é errada e não trouxe vantagens nenhumas a nível político”, atacou ainda.