Sociedade

Já é conhecida a causa da morte de Layla da Costa, modelo da estilista Fátima Lopes

O resultado da autópsia veio confirmar as suspeitas dos médicos italianos. 


A modelo Layla da Costa, de 24 anos, morreu vítima de um ataque cardíaco. A notícia é avançada pelo Correio da Manhã, que cita a estilista Fátima Lopes, com quem a jovem trabalhava.

Layla estava a trabalhar para a agência FaceModels em Bolonha, Itália, e foi encontrada morta a 2 de novembro em casa.

O resultado da autópsia veio confirmar as suspeitas dos médicos italianos, que, segundo declarações da estilista na altura da morte, pensaram tratar-se de um ataque cardíaco.

A modelo era natural da Guiné-Bissau e foi descrita como uma “das modelos mais promissoras” e uma das “pessoas mais incríveis” que Fátima Lopes conheceu.

Os comentários estão desactivados.