Vida

Adele fala sobre consumo excessivo de álcool e divórcio em entrevista à Oprah. "Eu bebia muito"

Adele admitiu que se sentiu “envergonhada” por a relação ter falhado, uma vez que leva “o casamento muito a sério”.


Adele foi a mais recente convidada de Oprah Winfrey para uma entrevista transmitida na noite de domingo, no canal norte-americano CBS. Entre outros vários temas, a cantora deu destaque ao seu casamento e como o consumo excessivo de álcool afetou a perspetiva que tinha da relação.

“Eu parei de beber para entender o que estava a sentir. Parei para pensar sobre isso [o casamento com Simon Konecki] enquanto estava sóbria. O álcool podia confundir-me e eu gostava muito de beber. Eu bebia muito. Então, decidi parar de consumir álcool e pensar especificamente naquilo [na relação], analisar a situação de maneira racional foi uma atitude muito certa”, confessou.

Adele admitiu que se sentiu “envergonhada” por a relação ter falhado, uma vez que leva “o casamento muito a sério”. “Quando temos filhos, ficamos juntos, eu tentei. Fiquei tão desiludida pelo meu filho, fiquei desiludida por mim”, revelou, referindo-se ao filho Angelo, de nove anos, fruto do casamento com o empresário.

No entanto, considera que terminar o casamento foi “uma atitude muito acertada”. “Concluí que não era aquilo que eu queria para mim. Percebi que já não estava feliz, que não me conseguia sentir completa de forma alguma. Estava apenas a viver”, rematou.

Ao longo da conversa, a cantora confessou que o ex-marido foi como “um porto seguro” numa fase delicada na sua vida. “O Simon veio para salvar a minha vida. Apareceu num momento em que mais ninguém estava ali para mim, estava num momento em que por pouco não me perdi. Naquele momento, ele era a pessoa a pessoa mais estável perto de mim. Até hoje, ele é uma pessoa a quem eu confiaria a minha vida”, admitiu.

Adele e Simon começaram a namorar no final de 2011 e casaram em 2018. Em 2019, decidiram separar-se e o divórcio ficou concluído este ano.

O novo álbum ‘30’ é dedicado ao filho de ambos. Anteriormente a cantora já tinha revelado que esperava que o filho conseguisse, no futuro, perceber os motivos do divórcio através das canções do álbum.