Sociedade

Onda de frio aproxima-se do país e temperaturas podem chegar aos -4ºC

Regiões mais frias serão o Nordeste transmontano e a Beira Alta.


Está a aproximar-se do país uma massa de ar polar, que vai atingir o território continental a partir da próxima segunda-feira, sendo que as temperaturas vão descer de forma gradual até lá.

Segundo declarações da meterologista Maria João Frade, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) ao site Notícias ao Minuto, até terça-feira a descida das temperatuas acontecerá de forma gradual e no nordeste transmontano e Beira Alta, estas chegarão mesmo a atingir valores entre os 0 graus e os -4.

Nas regiões Centro e Sul, a descida das temperaturas máximas deverá ser entre dois a quatro graus e, no domingo, deverá sentir-se uma pequena descida nas temperaturas mínimas nas regiões Norte e Centro.

Na segunda-feira, as mínimas e as máximas descem novamente, especialmente a máxima, na região Norte e Centro, sendo que, no Interior, se deverá sentir uma possível descida mais acentuada da temperatura. 

"Vamos chegar a segunda e terça-feira com a máxima a variar entre os 12 e os 15 graus exceto no nordeste transmontano e Beira Alta onde as máximas deverão variar entre os 6 a 10 graus", explica a meteorologista.

Já no que toca às mínimas, os valores, até terça-feira, deverão variar entre os 4 e os 7 a 8 graus e, eventualmente, 10 graus nas zonas costeiras. No interior, estas deverão variar entre os 0 e os 3 graus.

Segundo a meteorologista, as temperaturas vão descer bastante, mas não se pode ainda falar numa onda de frio polar.