Economia

IEFP. Desemprego registado volta a descer

Dados são relativos ao mês de outubro.


O desemprego registado voltou a descer em outubro, segundo os dados atualizados pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP). Segundo os números, até ao final do mês passado havia 351.667 indivíduos inscritos nos centros de emprego. Feitas as contas, o total de desempregados registados em Portugal foi inferior ao verificado no mesmo mês do ano passado (-51.887 ; -12,9%) e, no mesmo sentido, face ao mês anterior (-7.481 ; -2,1%).

“Para a diminuição do desemprego registado, face ao mês homólogo de 2020, na variação absoluta, contribuíram, com destaque, os grupos dos indivíduos que estão inscritos há menos de um ano (-80.389), os indivíduos que procuram novo emprego (-52.039) e os com idade igual ou superior a 25 anos (-41 967)”, justifica o IEFP.
Por regiões, ainda no que diz respeito ao mês de outubro, o desemprego registado no país, em termos homólogos, diminuiu em todas as regiões, com principal destaque para as regiões do Algarve (-28,1%) e da região autónoma da Madeira (-19,3%).

Ainda segundo o IEFP, o número de casais com ambos os cônjuges registados como desempregados no Continente recuou 14,1% em outubro face ao mesmo mês de 2020, para 5332.