Internacional

Pelo menos 45 pessoas morreram num acidente de autocarro na Bulgária

As vítimas estavam a regressar a Skopje, na Macedónia do Norte, depois de uma viagem no fim de semana a Istambul, na Turquia. Há 12 crianças entre os mortos.


Pelo menos 45 pessoas morreram, na madrugada desta terça-feira, num acidente com um autocarro seguido de incêndio na Bulgária. Segundo o ministério do Interior búlgaro, o veículo transportava maioritariamente turistas da Macedónia do Norte. Há 12 crianças entre as vítimas mortais.

As causas do acidente na autoestrada Struma, a cerca de 45 quilómetros da capital Sófia, ainda são desconhecidas, mas as autoridades locais indicam que o autocarro terá embatido numa das barreiras da rodovia. “Erro humano ou avaria técnica são as duas versões iniciais para a causa do acidente”, afirmou o chefe da polícia, Borislav Sarafov.

O ministro do Interior, Boyko Rashkov, afirmou, citado pela agência de notícias Reuters, que “as pessoas foram reduzidas a cinzas”. “A imagem é apavorante, apavorante. Nunca vi nada assim”, relatou.

Já Zoran Zaev, primeiro-ministro búlgaro, descreveu o acidente como uma “tragédia”.

O governo da Macedónia do Norte revelou que as vítimas estavam a regressar a Skopje, no norte do país, depois de uma viagem no fim de semana a Istambul, na Turquia. Apenas sete conseguiram escapar ao saltar pela janela do autocarro.