Sociedade

Homem acusado pelo MP de mais de oito mil crimes de pornografia de menores

Arguido tinha milhares de ficheiros com conteúdos de abusos sexuais cometidos contra crianças com idades entre os 10 e os 16 anos.


Um homem foi acusado pelo Ministério Público (MP) de mais de oito mil crimes de pornografia de menores.

Segundo revela uma nota divulgada no site oficial da Procuradoria-Geral da República, “no decurso da investigação foi apreendido ao arguido diverso material informático, designadamente computadores, smartphones e discos rígidos, que, em alguns casos tinham instalados programas de navegação anónima na internet e programas de partilha de dados, que permitiram aceder, guardar e partilhar ficheiros de vídeo e imagem”.

Nestes equipamentos foram encontrados “milhares de ficheiros com conteúdos de abusos sexuais cometidos contra crianças com idades entre os 10 e os 16 anos”.

O MP pede ainda que o homem permaneça em prisão preventiva, enquanto decorre o processo.

O inquérito foi dirigido pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa e contou com a colaboração da Polícia Judiciária.