Internacional

Pai Natal apaixona-se por um homem em anúncio norueguês

O vídeo, do serviço postal da Noruega, Posten, mostra o Pai Natal a apaixonar-se por um homem ao longo dos anos.

DR  


Um anúncio natalício norueguês veio mostrar outro lado da vida daquele que é uma das figuras mais conhecidas em todo o mundo: o Pai Natal. Chamado When Harry met Santa – numa referência ao filme clássico de 1989 When Harry met Sally – o anúncio conta a história do relacionamento que vai sendo criado entre a figura natalícia e um homem. 

O vídeo, de um minuto, do serviço postal da Noruega, Posten, mostra a figura natalícia a apaixonar-se por um homem de meia idade, Harry, que se encontra acidentalmente em sua casa com o Pai Natal na véspera de Natal. Num primeiro contacto, os dois homens olham de forma ternurenta um para o outro e a figura das barbas acaba por desaparecer chaminé acima.

Mas a “relação continua” e o vídeo vai acompanhando as visitas anuais do velhinho de barbas – com Harry a escolher sempre com cuidado a forma como se irá vestir e a perfumar-se em antecipação. Todos os anos os homens ficam mais próximos. Contudo, o contacto dos dois é sempre interrompido pela obrigação do Pai Natal em levar os presentes.

Até que Harry decide, numa carta endereçada ao Polo Norte, declarar o seu amor: “All I want for Christmas is you”, em português “Tudo o que quero para o Natal és tu”, lê-se no papel. 

Nesse ano, ansioso pela sua chegada, e ao ouvir a campainha da porta, Harry corre para abri-la. Porém, o entusiasmo é interrompido pela cara de uma carteira que possui os seus presentes na mão. 

Ao voltar para dentro de casa, o homem de meia idade tem uma surpresa. O Pai Natal já estava à sua espera: “Arranjei uma mãozinha este ano para que eu possa ficar contigo”, diz o velhinho antes de se aproximar para um beijo.

Campanhas anteriores da empresa já haviam tratado de assuntos considerados polémicos. Em 2019, o serviço postal da Noruega colocou José - pai de Jesus - como um carteiro em Belém.

When Harry met Santa pretende marcar os 50 anos desde que a homossexualidade foi descriminalizada no país.