Opiniao

Fortalecer o presente, preparar o futuro

Ser mutualista significa antes de mais cumprir o dever supremo de solidariedade, a partir de um esforço coletivo de agregação e mobilização para a proteção de cada um e o progresso de todos.


Por Edmundo Martinho, Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa

Este lema concentra de forma exemplar valores essenciais do movimento mutualista. É num presente fortalecido que deve e tem que assentar a preparação do futuro.

Tem sido esse o eixo central do mutualismo, que há mais de 10 séculos encontra nos recursos e vontades do presente a forma de, com o contributo de cada um e o interesse de todos, proteger e cuidar no futuro.

Esta afirmação tão simples e aparentemente tão óbvia é, no entanto, toda uma forma de entender o mutualismo, que nos cabe defender com toda a convicção e todo o nosso empenho.

Ser mutualista significa antes de mais cumprir o dever supremo de solidariedade, a partir de um esforço coletivo de agregação e mobilização para a proteção de cada um e o progresso de todos.

Impregnado de democracia, o movimento mutualista representa o oposto dos interesses individuais, ainda que respeitando-os, mas colocando sempre acima de tudo o interesse da comunidade.

Os tempos que vivemos não deixam margem para dúvidas sobre o papel extraordinário que o mutualismo pode desempenhar. A pressão crescente sobre os sistemas de proteção social obriga a que nos reinventemos e saibamos encontrar novas e renovadas soluções. Aprofundar a capacidade de proteção e alargamento de acesso das respostas mutualistas deve por isso ser uma prioridade de primeiro plano.

A Associação Mutualista Montepio Geral é, neste domínio, a grande referência nacional e fonte de inspiração para tantas associações mutualistas e milhões de cidadãos.

É por isso imperioso que continuemos nesta senda de desenvolvimento que a lista A sem dúvida representa. Afastando de modo categórico propostas que sob a capa do ‘modernismo’ liberal ou de populismo extremo podem fazer perigar o caminho que tem vindo a ser prosseguido de reforço e consolidação dos princípios supremos do mutualismo.

Renovar, consolidar e crescer são por isso expressões dessa vontade que a lista A sem dúvida incorpora e representa.
Os associados conhecem-nos. O compromisso que assumimos é por isso o de levar sempre mais longe o mutualismo, de colocar a AMMG no lugar cimeiro que representa no panorama da economia social em Portugal e no domínio da proteção reforçada e vigorosa.

Os comentários estão desactivados.