Cultura

Pedro Gonçalves. Não haverá cerimónias fúnebres, mas sim uma celebração da vida do músico

Em vez de cerimónias fúnebres, haverá uma “homenagem” e “celebração da vida e da extraordinária obra” de Pedro Gonçalves, que “será feita com música e aberta a todos; amigos, fãs e todos os seus admiradores”.

DR  


Não haverá cerimónias fúnebres relacionadas com o falecimento de Pedro Gonçalves, revelou, esta terça-feira, José Morais, manager dos Dead Combo. De sublinhar que o músico morreu no sábado, aos 51 anos, vítima de um cancro.

Em vez de cerimónias fúnebres, haverá uma “homenagem” e “celebração da vida e da extraordinária obra” de Pedro Gonçalves, que “será feita com música e aberta a todos; amigos, fãs e todos os seus admiradores”.

Em breve serão dadas mais informações sobre a data, local e o tipo de evento a realizar.

“Gratos por toda a solidariedade e carinho transmitidos em milhares de mensagens, deixamos o compromisso de nos voltarmos a encontrar, em breve, para celebrar o Pedro Gonçalves.”, acrescenta José Morais.

Os comentários estão desactivados.