Internacional

Espanha: Detido homem que disparou sobre patrão e dois colegas

Suspeito foi transportado para o hospital de helicóptero.


Foi detido esta terça-feira na região de Tarragona um homem de 45 anos e nacionalidade romena que, com recurso a uma arma de fogo, feriu três-colegas e um polícia.

O detido, segurança de profissão, encontrava-se em fuga depois de abrir fogo numa empresa de segurança onde trabalhou e feriu três ex-colegas (dois homens e uma mulher), entre os quais o gerente que está em estado crítico. O suspeito pôs-se em fuga, obrigando as autoridades a criar um perímetro de segurança por se tratar de alguém considerado "perigoso".

Fontes policiais, citadas pela imprensa espanhola, indicaram que durante a fuga, num carro Citroën Saxo cinzento, foi intercetado pelas autoridades numa estrada nacional, tendo acabado por ferir um agente.

A detenção ocorreu depois de o indivíduo ter estado barricado durante várias horas numa casa de campo abandonada no município de Riudoms. Depois de neutralizado pelas autoridades, e na sequência de uma troca de tiros com as autoridades, o suspeito acabou por ficar ferido, tendo sido transportado de helicóptero para o hospital.

De acordo com as mesmas fontes policiais, o homem estava armado com várias armas, entre as quais uma caçadeira, tendo também um colete à prova de bala. Devido à sua profissão com vigilante, o sujeito tinha experiência com armas. 

Antes do ataque levado a cabo esta manhã, o detido enviou uma mensagem aos ex-colegas da empresa Securitas a desejar-lhes boas festas, com insultos e acusações de que eram "racistas".

Os comentários estão desactivados.