Desporto

Inglaterra. Afinal, a viagem à praia fica para a próxima

Os red devils tinham planeado ir até à cidade costeira de Brighton, mas um surto de covid-19 obrigou ao adiamento da partida. Em Londres, o Tottenham recebe o Liverpool de Diogo Jota.


O Manchester United foi, recentemente, fustigado com um surto de casos de covid-19, que obrigou ao fecho do seu centro de treinos, e ao adiamento da partida com o Brentford na jogada anterior. Na quinta-feira, no entanto, tudo parecia estar encaminhado para a viagem a Brighton, no próximo sábado. O emblema de Bruno Fernandes, Cristiano Ronaldo e Diogo Dalot estava preparadíssimo para fazer as malas e rumar a sul, até à pitoresca cidade que dá o nome – em coligação com a vizinha Hove – ao clube que se posiciona a meio da tabela classificativa da Premier League, e que saiu derrotado da receção ao Wolverhampton de Bruno Lage, por 1-0, na jornada anterior. Ainda assim, durante a tarde de ontem, o clube de Manchester acabou por confirmar o que mais se temia: o jogo com o Brighton acabou adiado, tal como já tinha acontecido com o jogo frente ao Brentford.

Na quarta-feira, os red devils regressaram aos treinos, mas só os jogadores que testaram negativo puderam treinar. Ainda assim, o surto parece ter colocado em pausa a viabilidade de manter o Man. United em campo, apesar do clube não revelar o nome dos jogadores infetados. E o novo coronavírus não atingiu só os red devils. Os spurs, por sua vez, vão também protagonizar um dos duelos mais interessantes desta jornada na Premier League. Em Londres, frente ao Liverpool de Diogo Jota, o emblema londrino procurará encurtar distância para os reds, que estão nos principais lugares da tabela classificativa.

Teste difícil para os romanos Em Itália, na Série A, a AS Roma vai enfrentar os nortenhos da Atalanta. Os giallorossi, da capital, treinados por José Mourinho, estão no sexto lugar da tabela classificativa, depois de uma série de altos e baixos nesta temporada. Pela frente, no entanto, estará uma Atalanta inspirada, a apenas 3 pontos do topo da classificação. Em Bérgamo, o duelo não será nada fácil para os romanos, que estão à beira de entrar no top-5 da Serie A.

Andaluzia contra a capital Já os espanhóis contam, também, um interessante duelo na sua principal liga. No sábado, a partir das 20h, o Sevilha de Julen Lopetegui terá pela frente os ‘colchoneros’ do Atlético de Madrid, emblema do português João Félix. Apenas 5 pontos separam as duas equipas, com os sevilhanos a ocupar um imponente segundo lugar na tabela classificativa, ao passo que os madrileños estão no quarto lugar.

A realidade é que os ‘colchoneros’ perderam seis pontos nas últimas duas jornadas, e não se podem dar ao luxo de voltar a falhar a vitória. Se tal acontecer, o fosso ficará cada vez maior para os campeões em título da liga espanhola.

Os sevilhanos, por sua vez, estão em boa forma, numa altura em que, tal como os ‘colchoneros’ contam um jogo a menos.

 

Os comentários estão desactivados.