Vinagrete

Migrantes europeus


Anda por aí muita gente a dizer que a Europa tem de se abrir, segundo os seus valores, a todos os que a queiram almejar. E parece ser essa, precisamente, a atitude politicamente mais correcta.

No entanto, falamos agora em abrir as fronteiras aos mais duros, que não aceitam os valores ocidentais e europeus, nem querem lutar no seu país por melhores condições. E que talvez tenham brevemente votos na Europa para acabar com os seus velhos valores, que eles acham realmente envelhecidos, ou não existirem sequer, por serem infiéis. E provavelmente até terão razão nalguns aspectos. Mas será por gente assim que a Europa vai ignorar uma parte substancial dos seus cidadãos, numa posição também politicamente muito pouco correcta?