Internacional

McDonald's testa bicicletas estáticas como assento em dois restaurantes na China

Um vídeo de uma jovem mulher a comer um hambúrger e a beber um refrigerante enquanto pedala uma bicicleta estática já se tornou viral na rede social Instagram. A bicicleta é feita de materiais plásticos reciclados e tem a capacidade de carregar diapositivos eletrónicos através da energia gerada pela pedalada do utilizador.


Uma bicicleta estática como assento para comer uma refeição num McDonald's na China. Para muitos, este retrato parece acabado de sair da série da Netflix "The Black Mirror", mas a verdade é que este novo engenho está a ser testado pela cadeia de fast food num país que mais sofre com a emissão de gases poluidores. 

Um vídeo de uma jovem mulher a comer um hambúrger e a beber um refrigerante enquanto pedala uma bicicleta estática já se tornou viral na rede social Instagram, com mais de 10 milhões de visualizações e milhares de comentários, nos quais os internautas se mostram espantados com esta nova medida. 

Segundo o site Hypebeast, citado pelo jornal Taiwan News, a cadeia multimilionária, em resposta à publicação viral, não só confirmou a existência das bicicletas como revelou que estas fazem parte do plano "Upcycle for Good" do McDonald's asiático para promover a sustentabilidade. 

"Os bancos de bicicleta estática para comer no interior dos restaurantes estão a ser testados em dois locais na China, como forma de responder à política de baixas emissões de carbono do governo", indicou o McDonald's, ao acrescentar que estes assentos podem ainda reduzir a culpa dos clientes pela ideia de comer fast food.

A bicicleta é feita de materiais plásticos reciclados e tem a capacidade de carregar diapositivos eletrónicos através da energia gerada pela pedalada do utilizador, explicou ainda a cadeia de restauração norte-americana. 

A empresa de fast food afirmou que vai continuar a recolher o feedback dos clientes para expandir eventualmente esta ideia em mais cidades chinesa, apontou a mesma fonte.