Economia

Nasceram quase 42 mil empresas no ano passado

 As empresas ligadas às atividades imobiliárias, às tecnologias de informação e comunicação (TIC) e à agricultura e outros recursos naturais são as únicas que “em 2021 ultrapassaram o ano de 2019 na criação de novas empresas”.


Foram criadas 41656 empresas em Portugal, no ano passado. Os dados foram revelados pela Informa D&B e apontam para um aumento de 9,6% face a 2020, ainda assim, ficam abaixo dos números registado antes da pandemia.
 
As empresas ligadas às atividades imobiliárias, às tecnologias de informação e comunicação (TIC) e à agricultura e outros recursos naturais são as únicas que “em 2021 ultrapassaram o ano de 2019 na criação de novas empresas”.

Feitas as contas, nasceram 5316 novas empresas no setor das atividades imobiliárias, um crescimento de 5,4% face a 2019 e de 31,8% quando comparado com 2020, sendo o 2.º setor onde estão a nascer mais empresas. “Este crescimento verifica-se em todo o país, com exceção dos grandes centros urbanos como Lisboa, Porto e Coimbra”.

Por outro lado, “os setores dos transportes, do alojamento e restauração e dos serviços gerais são aqueles em que o empreendedorismo continua afetado pela pandemia”.

A criação de novas empresas nos transportes registaram um recuo de 55%, enquanto a queda no alojamento e restauração e nos serviços gerais é de -27% e -26%, respetivamente.

Os comentários estão desactivados.