Economia

Compras dos portugueses no Natal superiores às do período pré-pandémico

Consumo cresceu 26% face a 2020 e 19% quando comparado com 2019.


O consumo em Portugal, em dezembro do ano passado, recuperou face aos anos anteriores revelou a SIBS, acrescentando que foi registado um aumento no total de compras (físicas e online) de 26% face a 2020 e, inclusive, já 19% face a 2019, no período pré-pandemia. Considerando apenas as compras físicas, registou-se no mês de dezembro um incremento de também de 26% face a 2020 e de 12% face a 2019.

Em comunicado, a SIBS diz que “mais substancial é o crescimento das compras online no período em análise, face aos meses homólogos: um significativo aumento de +86% face a 2019 e de +31% face a 2020”.

E acrescenta que, “de facto, o comércio online tem ganho um peso assinalável no total das compras realizadas pelos portugueses, a representar no último mês de dezembro 14% do total de compras, quando em dezembro de 2019, esse peso era de apenas 9%”.

Analisando apenas o consumo nos dias que antecederam o Dia de Natal, a SIBS diz que se verificou “um aumento muito significativo”, com o dia 23 de dezembro a ser o dia com o maior número de compras físicas diárias na Rede Multibanco em todo o ano passado, com 85 pontos base acima, ou seja, quase duplicando o número total de compras quando comparado com um dia regular do ano em Portugal. Os dias 22 e 24 de dezembro surgem em segundo lugar.

O pico do total de operações (compras físicas + compras online + levantamentos) aconteceu no dia 24 de dezembro, às 12h26, com 346 transações por minuto, um recorde absoluto na Rede Multibanco, a mostrar uma vez mais a resiliência do sistema de pagamentos gerido pela SIBS.

Os comentários estão desactivados.