Sociedade

Marinha deteta 35 casos positivos de covid-19 na Corveta António Enes

Militares encontram-se a fazer isolamento no navio.


Fonte da Marinha Portuguesa informou esta quarta-feira a agência Lusa que estão infetados 35 militares que se encontram a bordo da Corveta António Enes, atracada na ilha do Porto Santo. 

A porta-voz da Marinha, Nádia Rijo, esclarece que os casos foram identificados ontem depois de terem sido feitos testes rápidos.

"Trinta e cinco testaram positivo e outros 34 negativo. Todos estão vacinados e tinham sido testados antes do início da viagem", adiantou Nádia Rijo, acrescentando que os infetados têm sintomas ligeiros e encontram-se a fazer a quarentena a bordo da Corveta.

A mesma fonte referiu ainda que o navio tem condições para isolar os militares sendo que, por isso, todos se encontram na Corveta a cumprir isolamento e a ser monitorizados. 

Segundo Nádia Rijo, não há qualquer impedimento operacional, uma vez que a missão continua a ser assegurada pelo NRP Mondego.

Questionada sobre se existem mais casos de covid-19 em embarcações da Marinha portuguesa, a responsável referiu que têm apenas sido registados casos pontuais.

Os comentários estão desactivados.