Sociedade

Recebeu algum e-mail do Ministério Público ou da PSP a acusá-lo de crimes? Se sim, ignore a mensagem falsa

A PSP partilhou uma nota nas redes sociais a alertar para uma mensagem falsa, considerada como "phishing". 


A Polícia de Segurança Pública (PSP) partilhou, esta terça-feira, um comunicado a alertar para um e-mail que está a circular na Internet com a suposta autoria da Europol, Ministério Público e PSP, onde indica que se trata de um assunto da "Brigada de Proteção a Menores". 

A autoridade, na nota publicada nas redes sociais, afirma que a mensagem é falsa e "completamente alheia à PSP", mostrando um exemplo. 

No documento falso está descrito que a pessoa que o recebeu está sob investigação por vários processos judiciais nos quais está acusada de crimes de pornografia infantil e pedofilia. 

Assim sendo, a PSP disse que esta mensagem é considerada "'phishing', devendo por isso ser eliminada de imediato".

Os comentários estão desactivados.