Vida

Channing Tatum revela que ponderou terminar carreira como ator após divórcio

Estrela de Hollywood, de 41 anos, acabou por confessar que viveu uma fase emocionalmente mais conturbada.


Channing Tatum revelou que ponderou terminar a sua carreira como ator após o final do seu casamento com a atriz Jenna Dewan, em 2018.

Em entrevista à Variety, a estrela de Hollywood, de 41 anos, acabou por confessar que viveu uma fase emocionalmente mais conturbada e que foi nessa altura que questionou se queria continuar a representar. “Quero continuar a representar? Vou passar a realizar? Quero continuar nesta indústria?”, questionou o ator.

“Eu tive sorte. Ganhei a lotaria. Fiz algum dinheiro, então podia afastar-me e descobrir o que é a vida. Eu afastei-me. Esculpi. Tirei fotos. Escrevi as minhas coisas, não foi um roteiro nem nada. Fui apenas criativo de diferentes formas. Queria respirar”, recordou.

Já antes do fim do casamento, do qual nasceu Everly Tatum, de oito anos, o ator diz que se sentia esgotado.

“Fiz quatro filmes sem nenhum descanso. Não estive tão bem nos dois últimos porque estava esgotado”, disse o ator, referindo-se aos filmes Agentes Universitários (2014) e A Ascensão de Júpiter (2015).

Recorde-se que o ator, que está prestes a regressar ao cinema ao lado de Sandra Bullock em A Cidade Perdida, após alguns anos afastado das câmaras, está atualmente numa relação com a atriz Zoë Kravitz, filha do músico Lenny Kravitz com a atriz e também cantora Lisa Bonnet.

Os comentários estão desactivados.