Sociedade

Jovens de 16 e 18 anos roubam e apontam uma pistola à cabeça de adolescentes mais novos no Barreiro

Presentes ao juíz de instrução criminal, os arguidos ficaram sujeitos às medidas de coação de termo de identidade e residência e a apresentações diárias num caso, e semanais no outro, no órgão de polícia criminal das respetivas residências.


Dois jovens, de 16 e 18, foram detidos e indiciados pela prática de um crime de roubo, revelou esta sexta-feira a Procuradoria-Geral Regional de Lisboa.

O jovem de 16 anos está ainda indiciado pela prática de outros dois crimes de roubo qualificado e de um crime de detenção ilegal de arma.

Numa nota publicada no site da Procuradoria-Geral Regional de Lisboa, é referido que "em duas situações distintas", uma delas na passada segunda-feira, dia 14, no Parque da Cidade do Barreiro, os arguidos "abordaram a vítima, de 14 anos, e desferiram-lhe socos no peito, retirando-lhe dois telemóveis e 10 euros em dinheiro".

Cerca de três semanas antes, a 26 de janeiro, no mesmo local, “um dos arguidos, acompanhado de três outros suspeitos, acercaram-se de dois ofendidos e com recurso à força apropriaram-se dos telemóveis de ambos, tendo inclusive apontado uma pistola à cabeça de uma das vítimas”.

Presentes ao juíz de instrução criminal, os arguidos ficaram sujeitos às medidas de coação de termo de identidade e residência e a apresentações diárias num caso, e semanais no outro, no órgão de polícia criminal das respetivas residências.

A investigação prossegue sob a direção do MP da 1.ª secção do Barreiro do DIAP da Comarca de Lisboa, com a coadjuvação da PSP.

Os comentários estão desactivados.