Internacional

Milhares de peixes morrem no Chile e deixam cientistas “perplexos”

Neste momento, já está a decorrer uma operação de limpeza da zona.


Deram à costa numa praia do Chile, milhares de sardinhas e anchovas mortas. De acordo com o Euronews, este é um fenómeno natural inexplicável, que está a deixar os cientistas “perplexos”.

O acontecimento que ocorreu na região chilena de Biobío, cobriu as costas de Coliumo com uma variedade colorida de animais marinhos mortos e as autoridades ambientais logo começaram a investigar a qualidade da água na região para perceber se esta estaria relacionada com o “misterioso” incidente. 

Neste momento, já está a decorrer uma operação de limpeza da zona. Contudo, segundo a presidente da autarquia local, já existem alguns obstáculos no processo. “Esta não é uma área na qual se pode nadar”, explicou Ivonne Rivas.

“Não podemos utilizar tratores para retirar os peixes mortos, como geralmente acontece quando há uma limpeza de algas marinhas na nossa costa. Aqui não podemos. Tem que ser feito com os trabalhadores”, acrescentou ao Euronews.

A verdade é que esta não é a primeira vez que cardumes de peixes mortos são encontrados nas praias desta zona do Chile. No ano passado, incidentes semelhantes  tiveram como justificação os baixos níveis de oxigénio em águas mais profundas, com peixes a nadar mais perto da costa, à procura de nutrientes.

Estes acontecimentos preocupam os cientistas e ativistas ambientais.

Os comentários estão desactivados.