Vida

Benedict Cumberbatch disponível para acolher refugiados ucranianos em sua casa

"É realmente chocante estar a um voo europeu de duas e horas e meia de distância da Ucrânia, e isso é algo que nos toca", declarou Cumberbatch, ao canal Sky News. 


Benedict Cumberbatch é mais uma personalidade que não ficou de braços cruzados. Pelo contrário: o ator ofereceu-se para acolher em sua casa refugiados que fogem da guerra. 

"É realmente chocante estar a um voo europeu de duas e horas e meia de distância da Ucrânia, e isso é algo que nos toca", declarou Cumberbatch, ao canal Sky News. "É isto que vou fazer para tentar mostrar que apoio os meus irmãos e irmãs que estão a passar por isto", salienta. 

"Todos precisamos de fazer mais... para além de usar um pin. Precisamos de doar, de pressionar os políticos para continuarem a criar um espaço seguro para os refugiados e estar aqui para as pessoas que estão em sofrimento", defendeu. 

E faz o apelo: "Toda a gente precisa de fazer o máximo de conseguir... já há um número recorde de voluntários a receberem as pessoas em casa, e espero fazer parte disso", completou. 

Várias celebridades já manifestaram o seu apoio à Ucrânia e aos refugiados que tentam fugir para outros países. 

Os comentários estão desactivados.