Cultura

As duas primeiras edições de 'Harry Potter e a Pedra Filosofal' foram vendidas por 100 mil euros

A empresa de leilões Hansons Auctioneers vendeu na semana passada, as duas primeiras edições do livro 'Harry Potter e a Pedra Filosofal'. Um por 82 mil euros euros, o outro por 18 mil.


Na semana passada, a casa de leilões Hansons Auctioneers colocou à venda as duas primeiras edições do livro da escritora JK Rowling, 'Harry Potter e a Pedra Filosofal'. Uma delas foi vendida por 82 mil euros, a outra por 18 mil. Ambos os exemplares pertenciam a uma tiragem de 500 exemplares de capa dura que foram impressos em 1997, embora o seu estado de conservação fosse totalmente diferente, daí a diferença no preço final de cada livro leiloado.

O primeiro estava em perfeito estado. O seu dono guardou-o com cuidado durante 25 anos, sabendo que em algum momento poderia valer muito dinheiro. Embora se estimasse que poderia ser vendido por 50 mil libras, o equivalente a 59 mil euros, acabou por chegar às 69 mil, o equivalente a 82 mil euros, no leilão.

Por sua vez, a segunda cópia estava muito “desgastada”, já que tinha muitas páginas sublinhadas e inúmeros desenhos infantis feitos com um marcador. Assim, o seu preço inicial foi estimado em cerca de 4 mil libras, o equivalente a 4.800 euros.

No entanto, isso não foi um problema para a realização da sua venda e foi sim uma surpresa para o seu vendedor, um jovem de Manchester. O livro obteve um preço final de 15.500 libras, o equivalente a 18 mil euros. 

O vendedor comprou o livro há apenas um ano por apenas 50 pence, cerca de 60 cêntimos, numa loja de caridade, sem perceber que era uma primeira edição. Mas, a sua curiosidade em saber se este tinha algum valor, acabou por lhe trazer um benefício financeiro bastante significativo, para o preço a que este o comprou.

"Na minha opinião, merece estar num museu. Esses rabiscos, escritos por uma criança que adorou o livro e os seus personagens, encapsulam o poder do fenómeno Harry Potter. É realmente maravilhoso. Estou absolutamente encantado pelo vendedor e pelo comprador que adquiriu um pedaço da história do livro", afirmou Charles Hanson, leiloeiro do evento, em relação ao exemplar mais usado.

 
Os comentários estão desactivados.