Sociedade

Homem detido em Almeirim com mais de mil doses de estupefacientes e armas proibidas

O homem já tinha antecedentes criminais por homicídio. 


Um homem de 35 anos foi, na passada segunda-feira, dia 14, detido, na sequência de uma investigação por posse de cães de raça perigosa fora das condições legalmente previstas, por tráfico de estupefacientes e posse de arma proibida, no concelho de Almeirim.

De acordo com a Guarda Nacional Republicana (GNR) de Santarém, o homem tinha na sua posse mais de mil doses de estupefacientes.

Durante as diligências, os agentes deram cumprimento a um mandado de busca, tendo este culminado na apreensão de 905 doses de MDMA, 348 doses de haxixe, 33, doses de canábis, 11 pés de canábis, cinco catalisadores de automóvel, três frascos de fertilizante líquido, uma pistola de alarme modificada para o calibre 6,35 mm, uma pistola de dardos tranquilizantes, 226 munições de diversos calibres, dois engenhos pirotécnicos, um sabre e um telemóvel. 

Segundo a autoridade, também foram “elaborados cinco autos de contraordenação, dois no âmbito da detenção de animais perigosos e potencialmente perigosos, enquanto animais de companhia, e três no âmbito de legislação ambiental”, tendo os animais sido recolhidos e entregues no Centro de Recolha Oficial de Animais de Companhia (CROAC) de Almeirim.

O homem, que já tinha antecedentes criminais por homicídio, foi ontem presente ao Tribunal Judicial de Almeirim, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de três apresentações semanais no posto policial da sua área de residência, proibição de posse de armas e acompanhamento na Comissão para a Dissuasão da Toxicodependência.  

"A operação contou com o reforço do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Santarém, do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Santarém e do Destacamento de Intervenção (DI) de Santarém e com o apoio do veterinário municipal de Santarém", informa ainda a GNR.

Os comentários estão desactivados.