Internacional

Menino de 10 anos mata irmão de 12 com um tiro

Caso aconteceu ontem em St. Louis, nos Estados Unidos. 


Um menino de 10 anos matou esta terça-feira o irmão, de 12, a tiro quando os dois estavam a brincar com uma arma que encontraram dentro de uma casa em St. Louis, nos Estados Unidos da América. 

De acordo com a KMOV-TV, as crianças estavam acompanhadas por um dos progenitores, que se encontrava a cortar o cabelo na casa onde o mais velho foi alvejado na cara. 

A polícia local informou que a mãe dos rapazes, de 36 anos, foi presa na quarta-feira pelo possível de crime de negligência. 

A morte de LaFrance Johnson, o menino de 12 anos, provocada por crianças a brincar com armas, não é a primeira na zona, adianta a polícia. Na sexta-feira, dois primos morreram depois de um ter atingido acidentalmente o outro, acabando por tirar a sua própria vida, naquilo que alguns membros da família disseram ser um acidente. 

Já em fevereiro, uma menina de 12 anos ficou ferida depois de dar um tiro em si própria.

A polícia metropolitana de St. Louis já pediu aos residentes para colocarem trancas nas armas: "Como organização, nós vamos ter convosco e ensinamo-vos como usar as armas. Nós percebemos que as pessoas possuam armas, mas para proteger as crianças, queremos que as armas sejam guardadas de maneira segura".

Segundo o grupo de controlo de armas, Everytown for Gun Safety, em 2020, os acidentes com armas provocados por crianças mataram 142 pessoas e deixaram outras 242 feridas.

Em 2021, o número de mortes chegou às 154 e as feridas às 244. Segundo os dados deste grupo e também das autoridades de St. Louis, ali, já morreram este ano 20 pessoas em acidentes deste tipo e 30 ficaram feridas. 

Os comentários estão desactivados.