Sociedade

Sites do PCP 'atacados' por hackers pró-ucranianos: "Que o desespero de uma nação massacrada vos pese na consciência"

Piratas informáticos emitiram comunicado onde também ameaçam revelar segredos do partido.


O site do Partido Comunista Português (PCP) foi esta sexta-feira alvo de um ataque informático por hackers pró-Ucrânia, naquilo que dizem ser "uma operação pontual e cirúrgica". A página está indisponível desde as 16h00.

"A Ucrânia está a sofrer. O povo ucraniano está a morrer. Na Ucrânia estão a ser praticados crimes de guerra. Um Estado de Direito não tolera o crime e a morte de pessoas inocentes (...) Que o desespero de uma nação massacrada vos pese na consciência. Reflitam, foi apenas um aviso. Não causamos danos. Da próxima vez iremos divulgar alguns dos vossos segredos", lê-se num comunicado dos hackers, citado pela CNN Portugal. 

Também o site da Juventude Comunista Portuguesa (JCP) não está a funcionar corretamente e, ao que aquela estação apurou, por volta das 18h20 o site do jornal Avante também foi atacado. 

 

Os comentários estão desactivados.