Sociedade

Homem furtou mais de 20 quilos de cobre através do seu trabalho em Viana do Castelo

GNR já estava a investigar denúncia de furto de metais não preciosos numa empresa há cerca de um mês. 


Um homem de 47 anos foi constituído arguido, esta segunda-feira, por furto de metais não preciosos, no concelho de Valença, em Viana do Castelo.

Segundo um comunicado da GNR divulgado hoje, os militares já estavam há cerca de um mês a investigar “uma denúncia por furto de metais não preciosos numa empresa”, que culminou na identificação do arguido, depois de se verificar que este “furtava cobre durante o exercício das suas funções”.

A força de segurança realizou duas buscas – uma domiciliária e outra em um veículo – que resultaram na apreensão de: 21 quilos de cobre; um alicate de corte; um par de luvas; uma chave de fendas; uma faca e uma navalha.

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Valença.

Os comentários estão desactivados.