Internacional

Encontrados mais de 900 corpos na região de Kiev

Recorde-se que o ministério da Defesa russo prometou hoje aumentar os ataques com mísseis à cidade de Kiev depois da alegada agressão ucraniana a território da Rússia.


Mais de 900 corpos foram encontrados na região de kiev após a retirada das tropas russas, adiantou esta sexta-feira o chefe da polícia regional.

Andriy Nebytov disse, citado pela agência de notícias Associated Press (AP) que os corpos foram abandonados nas ruas ou enterrados provisoriamente e que 95% morreram por ferimentos de bala. "Consequentemente, entendemos que sob a ocupação (russa) as pessoas foram simplesmente executadas nas ruas", acrescentou.

Todos os dias estão a ser encontrados mais corpos, quer em escombros ou em valas comuns, sendo que "a maioria das vítimas foi encontrada em Bucha, onde há mais de 350 cadáveres".

Recorde-se que o ministério da Defesa russo prometou hoje aumentar os ataques com mísseis à cidade de Kiev depois da alegada agressão ucraniana a território da Rússia, uma ameça que vem a seguir à perda do navio russo Moskva no Mar Negro.

Moscovo acusou Kiev de ferir sete pessoas e de danificar 100 prédios de habitação com ataques aéreos em Bryansk, uma localidade russa perto da fronteira com a Ucrânia. Contudo, as autoridades ucranianas não confirmaram este ataque e as infromações não puderam ser verificadas por fontes independentes.

 

Os comentários estão desactivados.