Economia

João Leão. Candidato à liderança do Mecanismo Europeu de Estabilidade

A votação será feita por maioria qualificada, ou seja, 80% dos votos expressos, sendo que os direitos de voto são iguais ao número de ações atribuídas a cada país membro do Mecanismo Europeu de Estabilidade no capital social autorizado.

João Leão. Candidato à liderança do Mecanismo Europeu de Estabilidade

O ex-ministro das Finanças é um dos quatros candidatos ao cargo de diretor executivo do Mecanismo Europeu de Estabilidade (MEE), instituição financeira que assegura a estabilidade da zona euro, revelou o presidente do Eurogrupo.

Além de João Leão, concorrem também o ex-ministro das Finanças luxemburguês Pierre Gramegna, o antigo chefe de gabinete do comissário europeu da Economia Marco Buti e o antigo secretário de Estado das Finanças da Holanda Menno Snel. Um deles irá substituir no cargo o alemão Klaus Regling, que é diretor executivo do MEE desde a sua criação, em 2012.

O presidente do Eurogrupo disse adianta que as candidaturas serão agora discutidas na reunião do Eurogrupo de 23 de maio, com vista a apoiar um candidato que irá assumir o cargo nos próximos cinco anos, podendo, no entanto, os mandatos serem renovados uma vez. Caberá depois ao Conselho de Governadores do MEE votar o nome proposto como diretor executivo na reunião anual, que decorre a 16 de junho.

A votação será feita por maioria qualificada, ou seja, 80% dos votos expressos, sendo que os direitos de voto são iguais ao número de ações atribuídas a cada país membro do Mecanismo Europeu de Estabilidade no capital social autorizado.

Os comentários estão desactivados.