Sociedade

Detido homem que matou a mulher e que de seguida tentou suicídio

Ficou ferido e estava internado no hospital, mas foi detido depois de recuperar.

Detido homem que matou a mulher e que de seguida tentou suicídio

PJ  


A Polícia Judiciária deteve um homem, de 42 anos que, a 3 de maio, matou a mulher, de 35 anos, tento tentado matar-se de seguida na casa onde ambos habitavam na freguesia de Correlhã, Ponte de Lima.

O homem matou a mulher, cujo óbito foi declarado no local, com vários tiros e disparou contra si, tendo depois sido transportado para o Hospital de Braga, onde esteve internado até agora.

"Num contexto de violência doméstica, o suspeito, movido por ciúmes e munido de uma arma de fogo, desferiu vários tiros na esposa, que lhe vieram a causar, ainda no local, a morte", lê-se no comunicado da PJ.

"Seguidamente, com recurso à mesma arma de fogo, o suspeito tentou o suicídio o que não logrou já que foi socorrido e encaminhado para o Hospital de Braga, tendo o seu estado evoluído favoravelmente", refere aquela autoridade no mesmo documento.

O detido foi já presente às autoridades judiciárias competentes no Tribunal de Ponte de Lima, para primeiro interrogatório judicial e aplicação de medidas de coação, tendo ficado em prisão preventiva, avança o Correio da Manhã.

Os comentários estão desactivados.