Sociedade

GNR apreende 150 litros de gasóleo devido a origem duvidosa em Penafiel

Os militares encontraram dois homens “a abastecer uma viatura, com recurso a uma bomba e uma mangueira, transferindo o combustível que se encontrava em jerricãs”.


A Guarda Nacional Republicana (GNR) apreendeu, esta segunda-feira, 150 litros de combustível de origem duvidosa, em Penafiel. Um homem de 72 anos foi constituído arguido e outro de 56 foi apenas identificado.

Os militares relatam, em comunicado divulgado hoje, que durante uma ação de policiamento detetaram dois homens que estavam “a abastecer uma viatura, com recurso a uma bomba e uma mangueira, transferindo o combustível que se encontrava em jerricãs”.

A autoridade apurou que os dois sujeitos estavam envolvidos numa “venda de combustível a preços muito abaixo do praticado no mercado, o que levou a suspeitar que o combustível teria proveniência duvidosa”.

Aos dois homens foram levantadas duas infrações de âmbito fiscal e também apreendidos 150 litros de gasóleo, uma viatura, uma bateria, um booster, uma bomba de gasóleo, uma mangueira, sete jerricãs, um funil e ainda 215 euros em numerário,

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Penafiel.

Os comentários estão desactivados.