Sociedade

Atropelamento ferroviário causa uma morte em Valongo

A identidade da vítima é desconhecida. 


Uma pessoa morreu, esta quinta-feira, vítima de um atropelamento ferroviário em Valongo, no distrito do Porto.

Segundo indicou uma fonte dos Comboios de Portugal (CP) à agência Lusa, o incidente foi registado às 11h25 e ocorreu em Cadeda com um comboio oriundo do Porto (S. Bento) com destino a Marco de Canavezes, no sentido sul/norte.

Esta situação está a causar constrangimentos na circulação de comboios, reporta a CP, ao explicar que "os passageiros do comboio envolvido na ocorrência vão passar para outra viatura".

Pelo meio-dia, a circulação entre Valongo e Ermesinde fazia-se apenas numa via com um atraso de aproximadamente 28 minutos.

O Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) do Porto confirmou à mesma fonte que o corpo foi encontrado fora da linha, sendo que ainda não é possível identificar a idade e sexo da vítima mortal.

Segundo o site da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, no local estão 22 operacionais e oito viaturas.

Os comentários estão desactivados.