Internacional

Tropas russas matam pelo menos 12 pessoas em Severodonetsk

Os russos "começaram a bombardear de manhã o centro da cidade aleatoriamente com armas pesadas. O ataque continua", disse Sergei Gaidai, o governador regional, numa mensagem divulgada através do Telegram.


Um bombardeamento levado a cabo pelas tropas russas na cidade de Severodonetsk, no leste da Ucrânia, que está praticamente cercada pelas forças de Moscovo, matou pelo menos 12 pessoas e outras 40 ficaram feridas. A maioria dos disparos atingiu edifícios de apartamentos.

Os russos "começaram a bombardear de manhã o centro da cidade aleatoriamente com armas pesadas. O ataque continua", disse Sergei Gaidai, o governador regional, numa mensagem divulgada através do Telegram. O número de mortos, alerta ainda Gaidai, pode ser superior. 

Oleksandr Strifuk, presidente da câmara local, já havia informado, no dia 6 de maio, que a cidade estava "quase cercada" pelas forças russas e pelos separatistas pró-russos do Donbass. Segundo o autarca, 15.000 dos 100.000 habitantes de Severodonetsk permanecem na cidade.

 

Os comentários estão desactivados.