Internacional

Antiga conselheira de Trump afirma que Putin ficou “muitas vezes frustrado” com Trump porque tinha que lhe “explicar as coisas constantemente”

Fiona Hill acredita que esse facto contribuiu para a decisão do Kremlin de invadir a Ucrânia durante a presidência de Joe Biden.


Segundo o Business Insider, uma antiga conselheira de Donald Trump afirmou que Vladimir Putin ficou “muitas vezes frustrado” com o ex-presidente dos Estados Unidos porque “tinha que lhe explicar as coisas”. Segundo Fiona Hill - que foi a principal conselheira de Segurança Nacional para a Rússia na administração Trump -  o presidente russo “ficava aborrecido com a falta de conhecimento geopolítico de Trump”.

Além disso, Hill acredita que esse facto contribuiu para a decisão do Kremlin de invadir a Ucrânia durante a presidência de Joe Biden. De acordo com a antiga conselheira, Putin acreditou que seria melhor negociar com Biden do que tentar negociar com alguém como Trump, a quem o líder russo tinha que “explicar tudo constantemente”.

“Putin não gosta de estar constantemente a explicar as coisas, e pensou que alguém como Biden – que sabe tudo sobre a NATO, que realmente sabe onde está a Ucrânia, e que realmente sabe alguma coisa sobre história, e que está muito a par de assuntos internacionais – seria a pessoa certa para poder negociar”, revelou Hill.

Antes desta, outros antigos conselheiros de Trump já se haviam queixado dos seus “maus conhecimentos sobre geopolítica internacional”.

Os comentários estão desactivados.